O Portal do Aviador reúne sites e muito conteúdo relacionados à aviação. Notícias, anúncios e cobertura de eventos aeronauticos.

Aviação Comercial Aviação Executiva Aviação Militar Equipamentos Segurança de voo Tecnologia Vídeos

Aeronave IU-50 Legacy do GEIV homologa procedimento de navegação satelital

Compartilhe
, / 609
A primeira missão da nova aeronave-laboratório IU-50 Legacy, do Grupo Especial de Inspeção em Voo - GEIV, marcou a independência da Força Aérea Brasileira - FAB na homologação do procedimento Required Navigation Performance Authorization Required - RNP-AR. O voo de inspeção foi realizado no dia 27 de outubro, no aeroporto Silvio Name Junior, na cidade de Maringá, no norte do estado do Paraná.   i161031105802145061

A primeira missão com o novíssimo Embraer IU-50 Legacy, da FAB, foi no Aeroporto de Maringá, no norte do Estado do Paraná

O RNP-AR é um sistema de navegação por satélite que se baseia no uso de tecnologia de alta precisão embarcada nas aeronaves e traz ganhos em condições meteorológicas adversas, pois melhora a acessibilidade dos aeroportos.

Segundo o Brigadeiro do Ar Luiz Ricardo de Souza Nascimento, que é Chefe do Subdepartamento de Operações do Departamento de Controle do Espaço Aéreo - DECEA,A grande vantagem do RNP é que ele não necessita de infraestrutura e equipamentos no solo. Ele usa tecnologia satelital e, dessa forma, nós não ficamos dependentes de novas instalações nos aeroportos. Em Maringá, com esse procedimento, nós proporcionamos mais acessibilidade ao aeroporto, mais eficiência para o tráfego aéreo sem custo adicional algum para a administração local.

Acompanhe neste vídeo como foi a homologação do RNP-AR em Maringá

Durante o voo foram checados pela tripulação do IU-50 os procedimentos de aproximação e de saída, previstos nas cartas de navegação, elaboradas pelo Instituto de Cartografia Aeronáutica podem ser plenamente executados. O traçado da carta, a velocidade, os ângulos previstos e a altitude foram também verificados. Com tudo de acordo, o procedimento foi homologado.

É importante ressaltar que para utilizar as cartas de navegação RNP-AR as aeronaves precisam ter performance e equipamentos compatíveis com o procedimento. Tal procedimento traz ganhos principalmente em condições meteorológicas adversas, melhorando a acessibilidade dos aeroportos.

i16103110580057663

Tripulação do voo de homologação do RNP-AR, em Maringá, com o IU-50 Legacy

Postado por: Daniel Popinga - Portaldoaviador.com

Via: http://www.decea.gov.br/