O Portal do Aviador reúne sites e muito conteúdo relacionados à aviação. Notícias, anúncios e cobertura de eventos aeronauticos.

Aviação Comercial Cultura Aeronáutica Lançamentos Tecnologia

Novo jato supersônico em projeto

Compartilhe
, / 65

Foi anunciada recentemente a criação de um novo jato comercial supersônico, prevendo viagens entre Londres e Nova York em apenas 3h15min ou então de Tóquio a São Francisco em 5h30min. Os tempos estimados representam menos da metade dos que são praticados por companhias aéreas regulares atualmente.

Jato Boom

É, com certeza, um moderno sucessor do saudoso Concorde, que encerrou suas operações em Outubro de 2003 após um grave acidente durante a decolagem no Charles de Gaulle, em Paris.

O novo projeto é uma parceria da Japan Airlines e da Boom Supersonic, empresa parceira do Grupo Virgin, cujo proprietário é Richard Branson, empresário da aviação internacional que possui projetos para viagens à lua (Virgin Galactic)

O projeto do jato comercial é baseado em um irmão menor, o XB-1, que possui capacidade para voar até 60.000ft. A aeronave está sendo construída em Denver, Estados Unidos e poderá atingir velocidade Mach 2.2.

Projeto XB-1

Tip: Mach é uma medida de velocidade que representa quantas vezes a aeronave ultrapassa a velocidade do som. Por exemplo, uma aeronave de linha aérea como um Airbus A320 ou um Boeing 737 voam à, no máximo, Mach 0.82, isso significa 82% da velocidade do som. Já o XB-1 voa à 220%, ou 2.2 vezes, a velocidade do som.

Voltando ao projeto do jato comercial, sua cabine será “all business”, apenas um assento em cada fileira, com vista para as grandes janelas e sem assentos nos corredores, criando mais espaço e conforte para os 55 passageiros.

All Business Class

Esse projeto também atingirá velocidade Mach 2.2, condições de voar 4.500nm sem reabastecimento e decolagem em pistas de aproximadamente 3 Km. Para isso são necessárias 3 turbinas especialmente projetadas para o equipamento.

   

Especificações Boom

Inicialmente, serão 20 aeronaves operadas pela Japan Airlines, que investiu cerca de US$ 10 Milhões para incentivar o projeto.

O novo jato comercial supersônico é bastante ambicioso e possui o precedente do Concorde, que fez certo sucesso à época. Porém, devido aos custos operacionais e de projeto, os operadores certamente cobrarão altos valores na comercialização dos assentos, mas, para os amantes da aviação o que vale é a experiência.

Fonte de informações e imagens: https://boomsupersonic.com/

Por:  Carlos Eduardo Damasceno

Gostaria de receber mais detalhes:

Seu nome (obrigatório)

Seu e-mail (obrigatório)

Sua mensagem